quarta-feira, 27 de abril de 2011

Filme: Onde Vivem Os Monstros


“Não vá, eu vou te devorar, eu te amo tanto.” 
 

Poético, filosófico e nostálgico Onde Vivem Os Monstros é um filme infantil que deu errado, ou por outro lado, um filme para adultos que deu muito certo já que faz lembrarmo-nos do quão bom foi a nossa infância.

A história é sobre Max, um garoto de cinco anos com os usuais problemas da sua idade, que ao fazer uma travessura e ser posto de castigo foge para onde os monstros moram e lá acaba conhecendo seu verdadeiro eu.

E este é o ponto primordial da trama, uma vez que tudo isso é apenas uma grande analogia para a transição da fase criança para a adulta e os monstros não são nada além do que os nossos próprios sentimentos.

Além disso, em várias cenas o filme mostra-se agressivo que o torna bem inapropriado para uma criança, no entanto essas passagens são essenciais para nos lembrar que todas as nossas atitudes têm conseqüências e, por menores que sejam, podem magoar quem não merece.

Por outro lado, de todo o resto, o filme é incrível em toda sua composição e história no qual merece ser eternamente recomendado assim como a obra original, de Maurice Sendak, o livro infantil que deu idéia ao filme que leva o seu mesmo nome.

Onde Vivem Os Monstros é impecável e inesquecível, contudo não é para todos, apenas aqueles que têm o desejo de se auto-analisar e refletir sobre os seus monstros internos merecem assisti-lo, pois somente assim irão apreciá-lo e dar o seu devido valor.


Outras informações:
Título original: Where The Wild Things Are
Direção: Spike Jonze
Elenco: Max Records, James Gandolfini e Lauren Ambrose
Ano de lançamento: 2010

domingo, 24 de abril de 2011

Filme: Teeth – Vagina Dentada


Pense no pior filme que você assistiu depois multiplique pelo maior número que você conseguir imaginar e ainda assim você não chegará nem perto da metade do quanto Teeth é horrível.

A história é péssima, o roteiro pior ainda e eu aposto meu fígado que o diretor estava drogado quando o filmou, no entanto, é inevitável não adorar cada segundo das cenas que beiram o ridículo.

A trama é sobre uma garota virgem e puritana que descobre ter dentes na vagina ao ir ao ginecologista pela primeira vez, claro que a história só fica boa depois da cena que o médico perde os dedos e inúmeros outros fatos hilários acontecem.

O filme que supostamente deveria ser de terror tornou-se uma piada por motivos óbvios e exatamente por isso merece ser recomendado, é impossível ficar um instante sem rir ao assisti-lo, principalmente, quando dizem por aí que este mito é real.

Isso mesmo, a Vagina Dentada, segundo uns asiáticos e africanos, é real e representa um poderoso símbolo de castidade na qual a mulher deve apenas se entregar para o homem que amá-la, os que não a amam a dentadura corta fora.

Então fica aqui o alerta aos garotos adeptos do sexo sem compromisso, cuidado ou você pode ser o próximo a ter o seu membro amputado.


Outras informações:
Título original: Teeth
Direção: Mitchell Lichtenstein
Elenco: Jess Weixler, Hale Appleman e John Hensley.
Ano de lançamento: 2007

sábado, 2 de abril de 2011

Filme: Scott Pilgrim Contra O Mundo




Revistas em quadrinhos que viram filmes, e em alguns casos séries, é praticamente uma fórmula de sucesso garantido e seguindo essa receita Scott Pilgrim chegou às telas de cinema.

A narrativa que é bem fiel à HQ conta a história de Scott Pilgrim, um loser que se apaixona por Ramona Flowers, uma exótica entregadora do site Amazon.com, porém para namorá-la o herói da vez tem que derrotar os sete ex-namorados malignos da amada.

No entanto, como quase tudo nos video games, não é nada fácil. Cada ex-namorado tem um valor e quando derrotado, transforma-se em moedas e o jogador pode avançar para a fase seguinte, bem Mario Broz, não concorda?

O filme apesar ser uma adaptação dos quadrinhos mais parece um jogo em uma tela gigante, os personagens possuem vidas extras e poderes mágicos, já o telespectador é surpreendido a cada instante.

E como se a trama por trás das batalhas Scott contra Os Malignos não fosse suficiente, o filme ainda conta com outros dois pontos a favor: a banda Sex Bob-omb, vindo diretamente dos quadrinhos e o fato de todos os lugares da história realmente existirem.

Portanto, não se deixe enganar por esta trama que pode até parecer infantil, Scott Pilgrim é bastante criativo e inovador e aqueles que já possuem uma tendência nerd, ou pseudo-nerd como eu, irão ter diversão garantida ao assistirem.


Outras informações:
Título original: Scott Pilgrim Vs. The World
Direção: Edgar Wright
Elenco: Michael Cera , Mary Elizabeth Winstead e Kieran Culkin.
Ano de lançamento: 2010